Papéis térmicos: efeitos de cremes hidratantes e seus componentes oleosos

Daniela Colevati Ferreira, Janaína Marinho dos Santos, Mariana Tiemi Iwasaki, Maria Luiza Otero D´Almeida

Resumo

Papéis termossensíveis, também conhecidos como papéis térmicos, possuem em seu revestimento substâncias cuja coloração é sensível ao calor. O desenvolvimento da cor está associado à formação de um complexo entre o corante e o revelador de cor, denominado, complexo desenvolvedor de cor (CDC). Este complexo é sensível a substâncias oleosas, solventes polares, calor e umidade. Neste estudo, foi avaliada a aplicabilidade de cremes hidratantes para as mãos para verificar a estabilidade do CDC gerado na impressão de três papéis térmicos disponíveis no mercado brasileiro. Também foram avaliados os efeitos de cinco substâncias oleosas comumente presentes na composição de cremes hidratantes para as mãos, visando encontrar uma substância oleosa alternativa ao creme hidratante para as mãos, cujas características físico-químicas pudessem ser controladas. Os resultados obtidos mostraram que os cremes hidratantes apresentam divergências devido à variação na composição. Entre as substâncias oleosas, a que apresentou melhores resultados foi a banha animal refinada.

Texto completo:

PDF

Número de visualizações: 500

Referências

AMERICAN SOCIETY FOR TESTING AND MATERIALS. ASTM E 203-08: Standard Test Method for Water Using Volumetric Karl Fischer Titration, West Conshohocken, 2008. 10 p.

AMERICAN SOCIETY FOR TESTING AND MATERIALS. ASTM F 2036-05: Evaluation of larger area density and background on eletrophotographic printers, West Conshohocken, 2005. 4 p.

BRASIL. Ato COTEPE/ICMS no 4, de 11 de março de 2010. Dispõem sobre a Especificação de Requisitos Técnicos da bobina de papel para uso em equipamento Emissor de Cupom Fiscal (ECF) e dá outras providências. Diário Oficial da União, Brasília, DF, seção 1, p. 8, 17 mar. 2010.

CASTRO, C. J. L.; VICTORINO, C. R.; TOBIAS, J. J. Guarda e manutenção de documentos fiscais 3. ed. Brasília: Federação Nacional das Empresas de Serviços Contábeis e das Empresas de Assessoramento, Perícias, Informações e Pesquisas, 2010. 70 p.

HATANO, Y. The chemistry of fluoran leuco dyes. In: MUTHYALA R. (Ed.) Chemistry and applications of leuco dyes. New York: Plenum Press, 1997. p. 159-205.

JONES, J. Every day uses for thermal paper. Disponível em: . Acesso em: 17 mar. 2015.

KOEHLER PAPER GROUP. Informações gerais da homepage. Disponível em: . Acesso em: 17 mar. 2015.

OJI PAPEIS ESPECIAIS. Informações gerais da homepage. Disponível em: . Acesso em: 17 mar. 2015.

SAARELA, J. et al. Optical object detection in paper improved by refractive index matching and mechanical treatment. In: THE INTERNATIONAL SOCIETY FOR OPTICAL ENGINEERING- SPIE. Proceedings … Bellingham: SPIE, 2007. p. 70221A-1 – 70221A-8.

SCHOFIELD, H. Thermal printing in 2014 and beyond. Narragansett: Schofield Imaging Associations, 2014. 148 p.

TAKAHASHI, Y. et al. Why does a color-developing phenomenon occur on thermal paper comprising of a fluoran dye and a color developer molecule? Bulletin Chemical Society Japan, v. 75, p. 2225-2231, 2002.

TURCO, A. Receituário químico. Tradução de M. B. Nogueira. Lisboa: Editorial Presença, 1986. p. 148-188.

Apontamentos

  • Não há apontamentos.